picsart_12-01-04-36-41

Há muito tempo, nos idos anos de 94/95, eu só pensava numa coisa: Magic the Gathering.

Eu nunca tive muito sucesso em colecionar álbuns de figurinhas e achava muito legal aqueles amigos que colecionavam cards. Seja da NBA, NFL, Nascar ou outro qualquer. Logo que um dia vi na antiga Dragão, uma matéria sobre o lançamento de Magic em português, eu fiquei louco. Eu não sei falar inglês, imagine há 21 anos. Eu e meus amigos dávamos duro tentando traduzir as cartas e acabávamos inventando regras ou traduções muito mais que livres.

dragao-brasil-10

Eu sempre fui um entusiasta, mas nunca um atleta do Magic, já que para se ter as cartas era necessário comprá-las. E na época pagar R$50,00 em 60 cartas de um deck era um duro golpe no meu bolso juvenil. O primeiro deck que comprei, senti um profundo arrependimento. Porém ele logo passou pois era divertido imaginar o que aquelas simples cartas podiam fazer e claro, a imaginação de um adolescente recém saído da infância ainda era muito, mas muito forte (hoje em dia ainda é, mas eu disfarço). 

Nunca participei de campeonato e nem nunca tive mais do que mil cartas (acho que tive por volta disso, infelizmente não cataloguei). Eu dava um duro danado no trabalho de aluno aprendiz para torrar uma graninha nas cartas.

Infelizmente com o passar do tempo, os amigos foram se mudando, o tempo ficando escasso e já não jogava mais. Acabei doando minhas cartas para um rapaz do prédio onde morava.

Mas nem tudo é tristeza! Há pelo menos 3 anos venho jogando Magic novamente, mas não, não estou montando novos decks num eterno escoadouro de dinheiro, mas gasto algumas horas do meu mês brincando nas plataformas digitais. Primeiro no xbox, depois no celular e agora na steam. É muito bom poder sentir aquilo que perdi por não ter conhecimento/dinheiro na adolescência: as batalhas no estilo campeonato. Além de jogar o modo história, que é muito legal. Só é chato ter de passar pelo tutorial, como se eu não soubesse o que é enjoo de invocação!

Fica a recomendação, se você gosta de card games, Magic the Gathering é uma boa pedida, se você tiver recursos o bastante.

Até amanhã.