Angry-Birds-Epic

Eu até gostaria de falar que Angry Birds Epic é o melhor jogos desses passarinhos que surgiram a poucos anos atrás e se conquistaram o mundo, mas aí eu estaria ignorando certos detalhes, putz, acaba tirando muito da graça do jogo.

Caso você ainda não conheça, Angry Birds Epic é o único jogo da série que tem elementos de RPG na história. Aliás, a história é basicamente a mesma dos outros jogos –  talvez excluindo o Angry Birds Go. O que muda é como ela é contada. Ao invés de porcos em estruturas, o combate agora é corpo-a-corpo, em turnos. Ou seja, você faz seu ataque, o porquinho faz o dele e assim vai até a vida de um acabar.

Cada passarinho tem uma classe diferente, tal qual um rpg. Tem o bárbaro, o paladino, o mago, a druida e por aí vai. As classes são definidas através de chapéus que você consegue ao longo do jogo. E os porcos são inimigos variados, cada um com um tipo de ataque e uma fraqueza. Você precisa montar um time com três pássaros, e vai passando pelas fases. Alias, todas as fases estão localizadas em um arquipélago.

Tal qual os outros jogos da série, ele também é freemium. Freemium é todo e qualquer jogo que você pode baixar gratuitamente, mas dentro dele há vários itens que podem ser comprados com o seu rico dinheirinho. Não que você precise de fato gastar dinheiro, mas com certeza acaba avançando mais rápido na sua jornada. Mas, com muita paciência, você consegue acumular moedas suficiente para comprar os melhores itens. Mas coloca paciência nisso.

Outro detalhe interessante é que algumas fases abre a possibilidade de você pegar emprestado um pássaro de outro amigo que também esteja jogando o ABE. Só que aí rola um problema chato: ele só puxa os jogadores que vincularam com sua conta de facebook. Ele ignora totalmente o game center (ios) ou o google games (android). Dependendo de como são seus amigos, você vai ter poucas opções. E se você for o único que realmente está jogando com vontade, com certeza vai sofrer para escolher os pássaros dos seus amigos, já que os seus estarão em níveis altos.

ab-epic-6

É basicamente o que acontece comigo. Sou o único da minha lista que está no level 20, enquanto que só duas pessoas da minha lista estão no level 18. O restante parou em 4, 9 ou 12. Se o jogo puxasse também os jogadores das outras redes, com certeza teria mais opções.

Outra coisa chata é que após terminar a história principal, o jogo disponibiliza mais fases, chamadas de “caverna”. Cada caverna tem uma dificuldade especifica, como fazer os seus pássaros perderem uma certa quantidade de vida após duas rodadas na partida, ou aumenta a vida dos porcos. Mas só. Ah, estava me esquecendo: o level máximo é 25. Depois disso, seu pássaro só fica mais forte se você conseguir armas mais fortes.

Seria bacana também se rolasse uma balanceamento melhor entre os pássaros e o porcos. Muitas vezes os porcos estão claramente fortes demais, o que obriga o jogador a fazer grind (jogar novamente outras fases para ganhar pontos de experiência e subir de level). Vários jogos de rpg fazem isso, só que A.B.E. não tem uma história tão boa assim a ponto de você ignorar isso só para ver o final. É nessa que várias pessoas acabam desistindo de jogar.

Se melhorassem o balanceamento e dessem a opção de jogar offline, com certeza seria o melhor jogo da série. Mas como isso ainda não acontece, vou continuar jogando até atingir o level máximo. Depois paro.