Nunca, na minha vida, achei que um dia teria um abaixo-assinado contra mim.

Leciono desde 2009. Já discuti com professores e já discuti com com alunos, por vários motivos. Algumas eu ganhei, outras eu perdi. Mas dessa vez eu nunca imaginei que a situação fosse chegar tão longe assim.

Primeiramente é bom vocês saberem que eu sou um cara que estressa com relativa facilidade. Hoje já nem tanto, mas já teve épocas que qualquer “oi” meio estranho já era motivo para estresse. Em sala de aula, procuro manter a paciência o máximo possível. Claro que não é uma paciência de Jó, mas algumas vezes uma bronca se faz necessário.

Semana passada a diretora da escola me entregou umas folhas de caderno com vários nomes. Era um abaixo-assinado, com o nome de todos os alunos da 5º série. Na minha mente comecei a rever tudo o que eu fiz, para encontrar algo de tão grave a ponto de gerar essa lista. Procuro procuro procuro e nada. Obviamente, naquele momento, eu virei um grande ponto de interrogação.

– Eles querem o professor bonzinho de volta.
– Ahn?
– É que você cortou os cabelos e deixou um cavanhaque.

Eis que eu entendi tudo. Não entendeu? Espero que a imagem abaixo faça você entender!

Spock