MacarraoSalsicha

Se tem uma coisa que é emblemático na vida dos solteiros e/ou preguiçosos é o miojo.

Apesar de eu não ser mais solteiro, continuo a ser preguiçoso, mas me recusei a continuar assim depois que passei a ser responsável pela nutrição da minha futura esposa. Prova disso é que eu acabei contribuindo para que ela encorpasse um pouquinho.

Acabei descobrindo o mundo maravilhoso da culinária e com isso acabei melhorando minhas habilidades. Tudo bem que não sou um chef nem nada, mas dá pro gasto. O pernil que faço mensalmente, não me deixa mentir.

Mas ter algo com que você possa rapidamente saciar a fome sempre será bem-vindo.

Uma dica que eu posso dar é: macarrão. Sim macarrão!

Geralmente o macarrão demora uns dez minutos para ficar pronto. O maior problema é você se acostumar com o ponto. Muita gente reclama porque o macarrão se não for feito com “carinho” fica grudento, se desfazendo. Então o negócio é concentração e a velha tentativa e erro.

Outra coisa que também é bem fácil de fazer é arroz. O segredo, como minha mãe costuma dizer, é lavar bem o arroz. Claro que não é necessário o uso de detergente, mas quando a água deixar de ter a coloração de esperma branca, já está bom. Mas daí é que vem o pulo do gato: saber a quantidade de água para cozinhá-lo sem que fique mais unido do que os Estados Unidos. O ideal é ficar entre isso e o mingau. Sem contar que o arroz é carente e necessita que você cuide dele e tome conta para que não vire um desastre doméstico. Então nada de botar o arroz no fogo e assistir sua novela ou ir tirar uma soneca no sofá.

Acho que o mais complicado mesmo é a, como minha progenitora diz, “mistura”.

Carnes são sempre o mais complicado. Até hoje não faço um bife igual ao da mamai. Mas para você que é preguiçoso como eu, recomendo a shalshisha salsicha. A coisa mais difícil de se fazer salsicha, é fabricá-la. Mas cozinhar é bem fácil. Coloque a quantidade de salsicha que você deseja, deixe a água ferver. Depois de um minuto fervendo, jogue a água fora, ou você nunca ouviu a expressão “tão útil quanto água de salsicha”? E voilà. Está pronto.

Mesmo que meu prato predileto seja salsicha com macarrão, não quer dizer que isso seja um prato de preguiçoso. Eu gosto mesmo. Mas uma das coisas, além do sabor, é a praticidade de fazer que me me conquistou.

Mas caso ainda assim você não se sinta à vontade, creio que deva ter algum delivery perto da sua casa. Pelo menos usar um telefone você saiba!

E essa foi mais uma dica do mestre cuca mole.

Até amanhã.