O seguinte texto foi escrito pela digníssima @PinkPaulaS

Ruídos na comunicação.

Turbulenta. Turbulentíssima!

Assim eu defino minha relação com algo que me foi apresentado ainda no Ensino Médio.

Enxergando o lado bom das coisas, digo que até me foi útil  descobrir os Ruídos na Comunicação. Agora eu sei o nome daquilo que sempre me atrapalhou a compreender  e ser compreendida. Saber usar as palavras adequadamente é fundamental, eu super apoio um linguajar menos informal, mas ter sempre que medir palavras é entediante. Mata até a vontade de me comunicar.

Pior do que uma fala mal interpretada é uma não falada. Você pensa/ sonha/ imagina que falou e cobra resultados por isso. Até você se convencer de que nada foi dito…

Mas entre tantos mal-entendidos, o importante é sempre reconhecer as falhas e nunca, eu disse nunca, deixar o dito pelo não dito.

Concordo plenamente, salientando ainda que pior do que o ruído, seria a falta de comunicação. Se aos poucos formos podando as pessoas de suas opiniões e comentários, mesmo que estes não sejam lá inteligentes, bonitos ou o que nos agrada, rumamos para uma relação apenas visual pobre, apesar de dizerem quem uma imagem vale mais que mil palavras, um olhar não pode dizer tudo o que pensamos e sentimos.