Os jovens estão cada vez mais viciados em videogame e alguns jogos podem estimular comportamentos violentos (…). Os pais precisam saber como proteger as crianças e adolescentes do perigo que estes games representam. Como afirma a reportagem, esses jogos podem inspirar massacres como o de Realengo, no Rio de Janeiro. O Domingo Espetacular (Record) que vai ao ar neste domingo (24), às 20h, vai mostrar uma reportagem especial sobre como os jovens podem reagir depois de terem contato com esse tipo de game. Veja chamada da matéria aqui.

Não vi a reportagem e provavelmente nem vou ver, mas me entristece ver esse tipo de reportagem. Por bater em um senso comum tão furado quanto esse. Porque provavelmente vão dizer que a culpa é pode ser dos videogames e blá blá blá.

Quase tudo na nossa sociedade pode incitar a violência. Filmes, músicas, quadrinhos, videogames, novelas… O problema é a falta de uma base familiar – familia, amigos ou qualquer pessoa que faça parte do circulo de convivência – para mostrar discernimento entre a fantasia e a realidade.

A verdade é que procuramos culpados para nossos atos. É horrível ver que falhamos em muitas coisas. Fulano de tal é violento pois só jogavas e assisti jogos violentos. Dificil é aceitar que não houve alguem para explicar as diferenças.

E eu me pergunto por que ainda fazem reportagens desse tipo.